Assistência Médica

Uma das primeiras coisas a se fazer em sua nova vida é se registrar no médico do bairro, chamado de GP (General Practitioner).

Esses GPs são postos de saúde públicos geridos pelo NHS.

As Surgeries, outro nome dos GPs, são espaços que contam com médicos e enfermeiras que atendem a comunidade do bairro.

Para se registrar, você precisa apresentar um documento de identidade e um comprovante de endereço, além de preencher a anamnese contando seu histórico para de vida.

Uma curiosidade é você poder ser acompanhado por um intérprete (caso você não fale inglês). Mais uma característica de uma cidade tão cosmopolita. Isso é fantástico porque em 99% das vezes nós só sabemos o que temos em português.

Assim que chegamos levei as meninas ao GP e a enfermeira analisou junto comigo a carteira de vacinação delas!

Há algumas semanas atrás recebi uma carta do NHS me lembrando que está na hora de eu fazer o exame papanicolau…

whatsapp-image-2017-07-24-at-17-33-00.jpeg

 

Dia desses Edda teve uma crise alérgica e eu consegui marcar consulta com um pediatra para o mesmo dia! Assim que o pediatra prescreveu o remédio, comprei na farmácia que existe dentro do nosso posto.

No nosso bairro, se você precisar de algo mais específico, o GP te encaminhará para médicos especialistas dentro do Hospital Universitário que tem aqui perto.

É claro que aqui também existe seguro saúde, plano médico particular. Mas é bem raro achar alguém (ou alguma empresa) que pague, já que não é uma necessidade extrema. Existem também clínicas particulares que, naturalmente, cobram pelo serviço. Geralmente quando alguém precisa de um exame urgente, tenta marcar em clínicas particulares pois o atendimento é mais rápido. Consegue-se marcar uma consulta na mesma semana ou no mesmo dia. Mas com um pouco de sorte, também se consegue marcar consulta no serviço público para a mesma semana ou mesmo dia. 

Acho que se o SUS (no Brasil) funcionasse como deveria ser, chegaria ao ponto de ser como o serviço público aqui. 

Enfim, pelo menos sabemos que nossos impostos estão bancando a saúde pública.

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s